DNIT vai liberar 47 quilômetros de duplicação da BR 116/RS em agosto

Atendendo a uma das prioridades do Ministério da Infraestrutura, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) vai liberar no início do mês de agosto, 47 quilômetros de duplicação da BR-116/RS, uma das rodovias mais importantes para o escoamento de produtos agrícolas e industriais de todo o país. No total, o valor investido para a obra é de R$ 1.226.080.259,45.

“Não vamos parar por aí. Nós continuaremos trabalhando nessa duplicação e a ideia é chegar ao fim do ano com mais de 70 quilômetros duplicados. E se vierem mais recursos, nós queremos chegar perto dos 100 quilômetros”, afirmou o ministro Tarcísio Gomes de Freitas.

Esses 47 quilômetros, de um total de 234,9 quilômetros, compreendem três trechos da duplicação da BR-116/RS, dividida em nove lotes construtivos. O lote 4, que abrange os municípios de Tapes, Arambaré e Camaquã (do km 373,22 ao km 397,2), terá 15 quilômetros liberados. Já o lote 7, localizado no município de São Lourenço do Sul (do km 448,5 ao km 470,1), terá 13 quilômetros entregues, enquanto o lote 9, em Pelotas, do km 489 ao km 511,7, terá 19 quilômetros.

As obras da BR-116/RS começaram no final de 2012 e têm previsão de término em dezembro de 2021.

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo